sexta-feira, 28 de novembro de 2014

Se for mexer em vespeiro...


Deu no El País (in English)
Por Francesco Manetto, 28-11-2014 
Podemos abandons most radical proposals in economic program 
New Spanish leftist party seeking to present itself as genuine “social-democratic” force

Depois de semanas de imensa apreensão, El País e toda a casta social que domina a Espanha parecem respirar aliviados. Faz sentido. 

Mas para quem, como o blogueiro, acompanha com autêntico interesse a trajetória de Podemos, o problema não é tanto o fato de o partido haver trocado - quem sabe por motivos de aproximação com o seu público - um programa democrático radical por um programa democrático reformador: é saber com que grau de obstinação ele pretende defender esse programa democrático reformador. 

Porque se o fizer com um grau de obstinação à altura das esperanças que vem despertando no povo espanhol e nas pessoas comuns de todo o mundo, não apenas acabará desembocando, tarde ou cedo, no programa democrático radical ora deixado de lado como se verá na contingência de ter de começar a cogitar, e pôr em prática, um programa de transição para uma democracia socialista - em toda a Europa!

Não se trata de uma opção ideológica, mas da natureza – e da profundidade abismal – do conflito entre os fins de qualquer democracia substantiva e a mecânica da economia mundial (des)governada pelos mega capitais industriais e bancários que a parasitam e controlam.

A alternativa, para Podemos, é concluir que não era sua real intenção mexer nesse vespeiro e se deixar converter, mais cedo do que tarde, em uma espécie de PSOE Sub-23.


Para acessar a matéria, clique em

Para acessar o projeto econômico de Podemos,
Un Proyecto económico para la gente - Podemos - Democratizar la economía para salir de la crisis mejorando la equidad, el bienestar y la calidad de vida - Una propuesta de debate para solucionar los problemas de la economía española Por Vicenç Navarro y Juan Torres López – Noviembre 2014
clique em 



2014-11-28