sexta-feira, 23 de dezembro de 2016

Ave, Trump!


 
How republics end
Montagem: www.avebarna.blogspot.com.br
Foto original: Internet
(..) One thing all of this makes clear is that the sickness of American politics didn’t begin with Donald Trump, any more than the sickness of the Roman Republic began with Caesar. The erosion of democratic foundations has been underway for decades, and there’s no guarantee that we will ever be able to recover.

But if there is any hope of redemption, it will have to begin with a clear recognition of how bad things are. American democracy is very much on the edge.


O atormentado Krugman recua dois milênios e descobre o cesarismo.  Se recuasse apenas dois séculos toparia com o bonapartismo, que é o cesarismo da época burguesa - uma analogia muito mais rica em possibilidades, para bem e para mal, do mundo em que vivemos.

Considerando, no entanto, a notória ojeriza norte-americana de espelhar-se em antecedentes franceses, o indisfarçável orgulho ianque da grandeza de seu império e, o mais importante, a dificuldade que talvez tenha o autor de reconhecer a existência de uma "época burguesa", a referência a Roma está, por ora, de bom tamanho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário