sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

Sendero mais-que-luminoso

Deu no Extra online
24-11-2016, por Marina Navarro Lins

Arco Metropolitano tem 4 mil postes de iluminação sem necessidade, segundo Dnit
Foto: Extra.globo.com
Para instalar os 4.310 postes com placas de energia solar ao longo dos 72 quilômetros do Arco Metropolitano, o governo do estado desembolsou R$ 96,7 milhões, mais de R$ 22 mil por unidade. Segundo o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), porém, as rodovias federais — como é o caso do Arco — não precisam de iluminação. Como o EXTRA mostrou nesta quarta-feira, a empresa contratada para fornecer as estruturas foi o consórcio Kyocera-Soter, cujo sócio Sérgio Benincá é um dos donos do helicóptero usado pelo ex-secretário estadual de Obras Hudson Braga, preso pela Operação Calicute.
Embora a regra de que “rodovias federais não precisam de iluminação” seja um tanto arbitrária em se tratando da Região Metropolitana do Rio de Janeiro, fato é que, neste caso, temos uma lâmpada a cada 16,7 metros, o que não acontece nem na minha rua! 

Calicute-se, pois, esta mais-que-provável tenebrosa transação!



2016-12-16

Nenhum comentário:

Postar um comentário